Ovos: Com ou sem gema?

Texto cedido pelo Dr. Marcelo Bustamante.

Nem sempre o ovo foi o mocinho da dieta. Por muito tempo, acreditou-se que a gema era a responsável por elevar os níveis de gordura e de colesterol no sangue, mas graças aos estudos científicos realizados, esse mal entendido foi esclarecido, e o ovo virou um grande aliado!

Hoje é consenso que a gordura saturada, encontrada nos ovos, nas carnes e nos queijos, não está associada a doenças cardiovasculares.

O ovo é formando por aminoácidos essenciais, sua proteína sacia com mais facilidade e, também é uma ótima fonte para deixar o corpo firme. Além disso ele ajuda tanto no crescimento quanto na manutenção dos músculos! E apesar da clara ser um dos alimentos mais queridinhos dos atletas, a GEMA concentra a maior parte das vitaminas e minerais, e concentra uma boa dose de colina (integrante do complexo B, que contribui para a formação de novos neurônios.

A união das duas partes (clara + gema) faz do ovo um dos alimentos mais completos!